CHARGES: UMA LEITURA ORIENTADA PELA ANÁLISE DO DISCURSO DE LINHA FRANCESA

  • Armando Pilla FURB
  • Cynthia Boos de Quadros FURB

Resumo

Ingrediente da vida diária, ilustrando páginas de revistas e jornais, a charge critica, impressiona e provoca riso. Numa ligação íntima com a imprensa, como uma sátira gráfica a um acontecimento político, ela pode ser considerada uma prática discursiva situada no cosmo das relações entre o linguístico e o histórico-social. O discurso de humor gráfico é uma narrativa eloqüente que, ao usar recursos expressivos, possibilita uma leitura para além dos elementos superficiais do texto e auxilia o leitor na construção de novos e outros significados. Interessantes eixos norteadores para ler e interpretar charges são oferecidos pela linha francesa de Análise de Discurso, uma corrente de estudos que estabelece a relação existente entre língua/sujeito/história ou língua/ideologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Out 11, 2010
Como citar
PILLA, Armando; DE QUADROS, Cynthia Boos. CHARGES: UMA LEITURA ORIENTADA PELA ANÁLISE DO DISCURSO DE LINHA FRANCESA. Linguagens - Revista de Letras, Artes e Comunicação, [S.l.], v. 3, n. 3, p. 226-239, out. 2010. ISSN 1981-9943. Disponível em: <https://bu.furb.br/ojs/index.php/linguagens/article/view/1497>. Acesso em: 07 dez. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1981-9943.2009v3n3p226-239.
Seção
Artigos

Palavras-chave

charge, discurso, interpretação, Análise de Discurso.