MÚSICA: UM TERRITÓRIO COMUM EM AMAR, VERBO INTRANSITIVO, DE MÁRIO DE ANDRADE E A ÓPERA DE WAGNER

  • Mônica Luiza Socio Fernandes FECILCAM
  • Bruna Kely de Jesus FECILCAM

Resumo

Esta pesquisa tem por objetivo estudar o território comum entre a música e a literatura no romance Amar, Verbo Intransitivo, de Mário de Andrade. O autor constrói seu texto numa tentativa de aproximá-lo de uma ópera, pois as ações dos personagens e as situações dramáticas revelam-se como um texto cantado e orquestrado. No decorrer da leitura, compreendemos que o romancista adequa a música em sua essência artística, transpondo seus efeitos para a voz dos personagens. As transposições marcam o acompanhamento e a participação efetiva da orquestra nas modulações das falas de forma semelhante às óperas de Richard Wagner. Esse arranjo, na obra literária analisada, é expresso, ao longo do texto, por meio de figuras como metáforas e onomatopéias, entre outras. Seus efeitos se mostram mais profundos do que apenas a substituição de um termo literário por um recurso musical. Destarte, analisaremos o texto supracitado com o intuito de mostrar o diálogo com O Anel dos Niebelungos, de Wagner, não somente no ato cantado, como também orquestrado, garantido a unidade indissociável das obras. As análises são fundamentadas nas noções de dialogismo e polifonia de Bakhtin (2003), nas orientações de Heindel (1921) sobre as óperas e nos postulados de Souriau (1983) sobre A Correspondência das Artes complementados pelos estudos de Oliveira (2002) sobre Literatura e Música.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
Mar 1, 2012
Como citar
FERNANDES, Mônica Luiza Socio; JESUS, Bruna Kely de. MÚSICA: UM TERRITÓRIO COMUM EM AMAR, VERBO INTRANSITIVO, DE MÁRIO DE ANDRADE E A ÓPERA DE WAGNER. Linguagens - Revista de Letras, Artes e Comunicação, [S.l.], v. 5, n. 1, p. 064-077, mar. 2012. ISSN 1981-9943. Disponível em: <https://bu.furb.br/ojs/index.php/linguagens/article/view/2912>. Acesso em: 13 ago. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1981-9943.2011v5n1p064-077.

Palavras-chave

Estética comparada. Polifonia. Dialogismo. Literatura. Música.