CONCEITOS SOBRE A EDUCAÇÃO ESTÉTICA: CONTRIBUIÇÕES DE SCHILLER E PIAGET

  • Roseli Kietzer Moreira FURB - Universidade Regional de Blumenau

Resumo

Este artigo tem por propósito discutir conceitos sobre a educação estética e artística baseado no filósofo alemão Friedrich Schiller, que contribui para um suporte teórico que objetiva a plenitude da vida humana, caracterizada pela relação da sensibilidade com a racionalidade. O autor acredita que essa analogia possibilita viabilizar ao ser, uma humanidade necessária para promover mudanças sociais, ao proporcionar uma educação estética que supere as necessidades primordiais da natureza e se amplie por meio de uma cultura que revele a Beleza. Schiller assinala a arte como uma das premissas para favorecer a vivência, a percepção humana e a capacidade criativa em direção de uma consciência do eu, do outro e do meio. O artigo também revela uma proposta de prática pedagógica em arte-educação de natureza tridimensional sustentada pelos princípios de Schiller e com apoio dos estágios de inteligência formulados por Piaget.

Palavras-chave: Schiller. Piaget. Arte. Educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como citar
KIETZER MOREIRA, Roseli. CONCEITOS SOBRE A EDUCAÇÃO ESTÉTICA: CONTRIBUIÇÕES DE SCHILLER E PIAGET. Linguagens - Revista de Letras, Artes e Comunicação, [S.l.], v. 1, n. 2, p. 158-169, mar. 2008. ISSN 1981-9943. Disponível em: <https://bu.furb.br/ojs/index.php/linguagens/article/view/687>. Acesso em: 14 ago. 2022. doi: http://dx.doi.org/10.7867/1981-9943.2007v1n2p158-169.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Schiller. Piaget. Arte. Educação.